sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Como resgatar cheques que voltaram?

Como resgatar cheques que voltaram sem saber onde estão? As lojas pras quais eu dei os cheques fecharam. Preciso de uma solução para resgatar os cheques e limpar meu nome.

Resposta:

Limpar o nome, resgatar os cheques e reabilitar o Crédito quando as Lojas que comprou fecharam é mais trabalhoso do que quando o estabelecimento ainda está em operação. Mas é possível, desde que siga as recomendações abaixo para que volte a ter a tranqüilidade de estar positivado no sistema de informações Bancárias ( SERASA ).


Um complicador em tudo isso é que os cheques podem ter sido repassados para terceiros por iniciativa do próprio credor onde os produtos ou serviços foram adquiridos. Isso poderá retardar a busca, porem nada impede que possa finalmente se reabilitar.

Providências recomendadas:

• Confirmar se a conta do Banco foi encerrada. Tentar obter cópias desses cheques junto ao setor de cobranças na tentativa de identificar quem os apresentou.

• Se ainda tiver o contracheque, você poderá confirmar para quem foi pago, data e valor para confrontar com as cópias obtidas no banco a fim de poder localizar os credores.

• Caso não obtenha as copias dos cheques poderá consultar seu CPF encaminhando uma carta para a SERASA Experian no endereço: Rua Antonio Carlos, 434, Cerqueira Cesar – CEP 01 309-010. São necessários os seguintes dados para Pessoa Física: Detalhar na carta as informações que deseja; Assinar e se identificar com os números de RG e CPF; Informar o endereço para resposta; Enviar juntamente Cópia autenticada do RG e CPF e reconhecer a firma da assinatura.

• Com a resposta obtida junto ao SERASA poderá saber quem o negativou no Sistema, ou seja: nome do responsável, Nº do CIC, empresa, nº do CNPJ, data, numero do cheque, banco, agência, endereço, telefone para tentar localizar a pessoa ou empresa que fez o apontamento.

• Fazer também uma busca no Cartório de Protestos da jurisdição para saber se houve protesto em seu nome, data, valor, responsável pelo protesto, endereço e telefone.

• Fazer Consulta junto ao Fórum local para saber se existe algum processo em seu nome em execução, bem como o nome do executante, endereço e se for pessoa jurídica os dados da Empresa o mais completo possível.

• De posse dessas informações, pesquisar na Lista Telefônica, Páginas Amarelas, Junta Comercial, buscar na internet em sites como o Google ou perguntar onde poderiam estar os donos da loja que fechou para lojas do mesmo ramo de atividade, para vizinhos, possíveis fornecedores ou antigos clientes e amigos do dono da loja que fechou.

• Caso localize com quem estariam tais cheques, cabe resgatá-los fazendo um acordo, pagando o valor e juros devidos para que possa tê-los em seu poder. Importante nesse momento é obter a carta de anuência do credor comprovando que a dívida esta satisfeita.

• Caso obtenha a informação sobre qual o Banco que tais credores ainda mantenham conta, fazer o depósito do valor com as correções de lei e guarde os comprovantes desse deposito para apresentar ao SERASA e sempre que necessário onde for fazer nova compra no Crediário.

• Você pode também procurar a Imobiliária que administra o imóvel onde operava tal credor e obter uma declaração da data que o inquilino rescindiu o contrato ou foi despejado daquele local.

• Caso não obtenha informações sobre os Credores poderá fazer três publicações no jornal de sua cidade para que comprove junto ao SERASA sua iniciativa de procurar localizar os Credores.

• Outra alternativa se nada teve sucesso até então, é fazer um depósito judicial em nome de quem apresentou o cheque para ser compensado corrigindo por lei o valor devido. Guarde os comprovantes desse depósito para apresentar ao SERASA e sempre que necessário comprovar junto a futuras compras que venha fazer a Credito.

• Com os cheques resgatados em mãos e tendo a carta de anuência que deve ser obtida com cada credor se dirija ao SERASA e apresente para que seu nome possa ser retirado da lista de devedores e venha positivar recuperando o credito e limpando o seu nome.

• No caso de não encontrar os Credores com as Publicações do jornal, apresente ao Serasa o comprovante do depósito judicial em nome dos Credores, para que seja limpo o seu nome e reabilitado o Credito.

• É recomendado voltar ao seu banco e apresentar os comprovantes de que quitou junto aos credores as dívidas e o comprovante obtido junto ao SERASA. Pode com isso reabrir a conta se ainda tiver interesse ou pelo menos dar uma satisfação para o banco de que as restrições foram retiradas.

• Caso tenha havido Protesto da mesma forma deve procurar o Cartório responsável, apresentar os documentos comprobatórios, carta de anuência de que a divida foi quitada, publicação do jornal ou comprovante de depósito judicial. Pagar a taxa prevista e levantar o Protesto.

• Caso a dívida esta em fase de execução, contratar um advogado e entrar com recurso apresentando os comprovantes que a dívida foi quitada para levantar o processo de execução dando assim encerramento ao caso.

• Para Limpar o Nome e Reabilitar Credito poderá seguir as recomendações acima ou contratar empresa especializada para que faça essa tarefa sem que perca muito tempo. Apenas terá que pagar pela prestação desse serviço.

• Se passarem 5 anos sem que essas providências sejam tomadas, as dívidas deixam de aparecer nas consultas básicas ao Serasa, o que vai te liberar o crédito na maioria dos estabelecimentos. No entanto, órgãos oficiais e algumas empresas de maior porte usam consultas de 10 anos, e podem mesmo depois desse tempo não liberar seu crédito. Além disso, as dívidas podem a qualquer tempo vir a ser cobradas judicial ou extra-judicialmente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário